13 de novembro de 2017

Mini-doc sobre o Young Lights

Prestes a lançar novo disco, o Young Lights divulgou esta semana o mini-documentário Chasing Ghosts, registro de uma das turnês mais recentes da banda com trechos das gravações do novo álbum. No estúdio Ilha do Corvo, em BH, a banda conta um pouco sobre o processo de composição e gravação comandado por Leonardo Marques (produtor dos últimos discos do Maglore, membro do Transmissor e ex-guitarrista do Diesel). É o registro de um momento de mudança na vida da banda, que começou como um projeto solo do vocalista Jairo Horsth. A direção é do escocês Stuart McIntyre, que conheceu o Young Lights pela internet e se interessou em registrar um período de atividades da banda.

"Chasing Ghosts é dedicado a todas as bandas independente do Brasil, em especial aquelas que acreditam que a música é um caminho, uma verdade em si. Quando buscamos apenas reconhecimento o tombo é sempre maior e a essência se perde", diz Gentil Nascimento, baterista da banda. São 20 minutos de câmera na mão para criar um retrato do cotidiano de uma banda independente no Brasil atual.



Aproveito para publicar aqui os dois singles do Young Lights que foram lançados este ano e que mostram o que esperar do novo disco deles. "Understand, man" é favorita aqui faz tempos.



O Young Lights é uma das bandas com as quais trabalho na Quente. Antigamente eu evitava escrever por aqui sobre as bandas da Quente por questões éticas. No entanto, sentia falta de indicar essas bandas ao público, uma vez que decidi trabalhar com elas justamente por considerar que são boas e deveriam atingir mais pessoas. Assim, a partir de agora também vou falar sobre esses artistas e indicar que eles fazem parte da Quente, para melhor entendimento.