Pesquisar este blog

Carregando...

17 de maio de 2014

Coletânea Cena Independente #27

Após um breve hiato e algumas dissidências, a coletânea mensal Cena Independente publica mais uma edição inédita. A seleção é feita através da curadoria dos sites e blogs que fazem parte do projeto e que, aqui, ficam responsáveis por peneirar todos os meses os sons de suas cenas locais.

Nesta edição, o designer Leandro Benyk, convidado pelo Defenestrando (curador da cena paranaense), assina a arte da capa. Mais de seus trabalhos podem ser vistos aqui.

Interessados em participar podem conversar com a Clara no email mixtape.cenaindependente@gmail.com e se informar mais sobre o projeto no blog coletaneaindependente.wordpress.com

Você pode escutar a coletânea no player abaixo ou fazer o download de todas as músicas.




MINAS GERAIS: Meio Desligado
Magalhães – Ver Tereza
indie tropical
Membro do combo de afrobeat psicodélico Iconili (no qual tocava baixo e atualmente é trompetista) e colaborador frequente do Transmissor, Victor Magalhães Silva lançou em março seu primeiro álbum solo, "Trago Seu Amor". A tropicalidade do Iconili permanece, mas com uma roupagem diferente que remete tanto a Rodrigo Amarante como a Felipe Cordeiro, tudo envolto em uma atmosfera vintage, resumida na classificação de gênero escolhida pelo artista para definir o álbum: "kitsch brazilian groove". "Ver Tereza" é a faixa que abre o álbum, mas vale apena ouvir o disco completo.
Para quem gosta de: Rodrigo Amarante, rock sessentista, Dead Lover's Twisted Heart em português
Mais de Magalhães no Soundcloud

BAHIA: El Cabong
Murilo Sá & Grande Elenco – Eis Que Eu Tento Me Entreter
rock psicodélico
Murilo Sá é um baiano que desistiu de tentar a carreira em Salvador e decidiu encarar o caminho de São Paulo. Levou na bagagem o violão e um punhado de canções que remetem ao rock dos anos 60. Psicodelia, melodias, um cheirinho agradável de mofo e uma sonoridade que pela influência em comum lembram o bom rock gaúcho. Murilo acaba de lançar um EP, que serve como prévia para o disco que sai ainda este ano.
Para quem gosta de: Jupiter Maçã, Mutantes, Mopho
Mais de Murilo Sá & Grande Elenco no Soundcloud

PARANÁ: Defenestrando
Cavernoso Viñon – Drugstore
blues/rock
Formado por músicos com boa experiência no cenário musical curitibano, o Cavernoso Viñon é uma pequena seleção de talentos roqueiros da cidade. O grupo surgiu como um filho natural da Trajano Reis, uma rua que concentra amostras do que há de melhor e de pior na noite curitibana – algo como a Rua Augusta das araucárias. Tendo esse universo como cenário, a vocalista Lolo Quevedo canta em francês enquanto Lucian Araújo, Ricardo Maia, Yan Lemos e Leonardo Lotowski explodem em um blues corrosivo. A banda acaba de soltar o clipe da música “Drugstore” e prepara o lançamento de um novo EP para os próximos meses.
Para quem gosta de: Jack White, The 5678’s, chanson francesa
Mais de Cavernoso Viñon no Soundcloud


ALAGOAS: Sirva-se
Tribo – 1986
rap/ragga/soul
Tribo é o nome adotado por Fernando Rozendo para dar voz ao seu trabalho como MC e que acabou de ganhar as ruas com o seu primeiro álbum. O cara que já integra a banda de black music Favela Soul, apresenta agora uma outra roupagem para o seu som e deixa claro que sua musicalidade é diversa mas com foco nos elementos da música negra. “1986”, a faixa escolhida para essa edição da mixtape, é uma das últimas músicas liberadas pelo cara para divulgar o seu álbum lançado nesse mês de março. Um trabalho em constante mudança e que vem ganhando espaço no cenário do rap em Alagoas. Vale conferir!
Para quem gosta de: Black Alien, GOG, Speedfreak S
Mais de Tribo no Soundcloud

PERNAMBUCO: AltNewspaper
Caldo – Salsa
instrumental/experimental
Caldo, tal qual o termo, é uma mistura. Porém, neste caso, uma mistura sonora entre dois nomes de gerações distintas da música pernambucana. Gabriel Isodoro (A Banda de Joseph Tourton) toma conta das guitarras e loops, Pernalonga (Faces do Subúrbio, entre vários outros projetos) manda na bateria e vocal. O projeto teve inicio de maneira natural, numa mistura de grooves e influências, que já dão frutos dos mais diversos estilos. Deve sair um registro oficial da banda ainda neste ano, mas aqui na mixtape do Cena Independente adiantamos um pouco do que deve vir por ai. Em “Salsa”, temos um instrumental com um que de guitarrada e muito loop de guitarra e bateria quebrada do Afrobeat.
Para quem gosta de: A Banda de Joseph Tourton, Macaco Bong, Caldo de Piaba
Mais de Caldo no Facebook

RIO GRANDE DO NORTE: FUGA Underground
Plutão Já Foi Planeta – Daqui Pra Lá
indie pop
Plutão Já Foi Planeta vem chamando atenção pela opção, ainda rara entre as bandas de destaque da cena potiguar, de uma sonoridade radiofônica e letras em português. Da escaleta aos vocais boy and girl, a formação segue a composição usual de uma banda de indie pop dos anos 2000. Pelo menos no seu primeiro single, “Daqui Pra Lá”, a receita não vai se afastar muito do alternativo de massa, lembrando o Los Hermanos do primeiro disco.
Para quem gosta de: Los Hermanos, Cícero, Apanhador Só
Mais de Plutão Já Foi Planeta no Facebook

GOIÁS: Novo Rock Nacional
Carne Doce – Sertão Urbano
rock psicodélico
Salma Jô e Macloys moram juntos em Goiânia e compõem inspirados no cotidiano, nas conversas à mesa, à cama. Assim nasceu a Carne Doce. Em abril de 2013, fizeram sua estreia com o lançamento do EP digital “Dos Namorados”, recebendo elogios de blogs especializados. Hoje com João Victor (guitarra e sintetizador) e Ricardo Machado (bateria), a banda prepara seu primeiro álbum e promete lançá-lo em 2014.
Para quem gosta de: Novos Baianos, Mutantes, Caetano Veloso
Mais de Carne Doce no Facebook

PARAÍBA: Atividade FM
Red Butcher – Magnás
stoner/doom/psicodelia
O trio pessoense que mistura stoner rock com doom e doses de psicodelia, chamado Red Butcher, lançou seu primeiro EP autointitulado no início deste mês. O grupo iniciou suas atividades ainda em 2009, com o passar do tempo ficou conhecido pelos excelentes shows na cidade de João Pessoa (PB). Agora, quem acompanhou o trabalho da banda, pode escutar em casa um EP com 5 faixas carregadas das maiores com as influência dos integrantes: Bruno Alves (baixo), Magno Fontolan (bateria) e Neto Londres (guitarra). Toda a gravação do EP foi feita de forma ao vivo, sendo captado no estúdio da Mardito Discos, mixado pelo Bruno Alves e masterizado por Pepeu Guzman.
Para quem gosta de: Macaco Bong, The Flying Eye, Young Widow
Mais de Red Butcher no Soundcloud

Nenhum comentário :