Pesquisar este blog

Carregando...

18 de março de 2014

Assistir mais tarde

Com o grande fluxo de informações ao qual somos expostos diariamente, ferramentas como o botão de "assistir mais tarde" do Vimeo e Youtube acabam sendo grandes aliados na hora de tentar organizar o que é relevante dentro de nossas limitações de tempo. O problema, assim como os livros que compramos e não lemos ou das revistas que vão ficando de lado até se tornarem defasadas, é que muitas vezes essas listas de vídeos ficam esquecidas e o ato de salvar um vídeo para assisti-lo posteriormente passa a ser apenas uma forma de nos reconfortar, um consolo de quem diz "agora estou ocupado mas assim que tiver um tempo livre volto para ver isso".

No meu caso, quando resolvi "limpar" minha lista de "watch later" do Vimeo, me deparei com dezenas de vídeos dos quais nem me lembrava, muitos salvos há quase três anos. Aproveitei para indicar alguns dos achados abaixo, sendo que boa parte deles está diretamente relacionada ao tema principal deste blog.

Documentário sobre os 20 anos do Abril Pro Rock
Registro de um dos mais importantes festivais brasileiros, com relatos de integrantes do Mundo Livre SA, Los Hermanos, Otto, Zé Cafofinho e outros personagens que de diferentes formas se relacionaram com o Abril Pro Rock.


The evolution of music online
Curta matéria com trechos de entrevistas de profissionais que trabalham com música no mercado digital, em sites como Pitchfork, Hype Machine e Vimeo.


Bárbaros em cena
Trabalho de conclusão de curso da jornalista Mariana Marçal. Feito em 2010, acompanha principalmente a cantora Bárbara Eugênia durante o processo de gravação de seu primeiro disco e, paralelamente, faz um registro de parte da cena paulista contemporânea através de relatos de artistas como Romulo Fróes, Tatá Aeroplano, Júnior Boca e Bruno Morais.

Madame Satã - O importante é ser eu e não o outro 
Documentário sobre a mítica casa Madame Satã, tida como uma das mais importantes da cultura underground de São Paulo. Entrevistas com Edgard Scandurra, Clemente (do Inocentes), entre outros.


Hurtmold
Registro de um show do Hurtmold na Funarte SP em 2012.

A ponte
Documentário que aborda a desigualdade social na zona sul de São Paulo e apresenta o trabalho da ONG Casa do Zezinho. Só pelas falas da criadora da ONG, Dagmar Garroux, já valeria a atenção, mas também apresenta falas do Mano Brown, Ferréz e outros.


Esses e outros vídeos podem ser vistos na tv.meiodesligado.com

Nenhum comentário :