Pesquisar este blog

Carregando...

11 de julho de 2013

Sobre fotos de divulgação

Dibigode

Foto de divulgação. Algo básico, mas por vezes pouco explorado e mal utilizado. Como jornalista,  produtor, designer (puf...) e assessor de imprensa (ui!), acabo me envolvendo em diferentes processos relacionados às imagens das bandas e achei relevante comentar sobre o assunto. Na produção e agenciamento das bandas com as quais trabalho, ajudo a pensar o conceito e estética a serem utilizados; como jornalista, recebo várias imagens promocionais diariamente; como assessor de imprensa, repasso as fotos aos veículos de mídia e tento dar destaque a elas nas publicações; e como designer muitas vezes tenho que trabalhar a imagem dos artistas junto à identidade visual do evento em questão.

Pausa: esse parágrafo tem como inspiração este vídeo.

Retornando...

Na hora de preparar as fotos de divulgação de uma banda, um ponto crucial é alinhar estética e conceito. A imagem deve dialogar com a proposta da banda. Não é preciso tentar representar sua sonoridade em apenas uma imagem, mas ambas devem dialogar de forma a colaborar para a construção de sentido que envolve a sua criação artística. Dentro disso, vale tanto uma super produção fotográfica como um registro feito em celular (mas com boa resolução), dependendo do conceito por trás.

Pensando nisso, listo abaixo algumas dicas e exemplos de fotos de divulgação:

  • Fundamental ter as fotos na maior resolução possível. Você não vai enviar fotos de 13 MB para os jornalistas mas, caso solicitado, é importante ter os arquivos que permitam impressões em formatos maiores;
  • Tenha opções de foto verticais e horizontais, isso facilita a adaptação ao layout das publicações;
  • Você pode achar um ensaio fotográfico preto e branco lindo, mas alguns veículos não. Algumas publicações publicam somente fotos coloridas, então é bom ter opções para esses casos;
  • Coloque o nome do fotógrafo diretamente nos nomes dos arquivos das imagens, como "Cidadão Instigado - fotor por Fulano". Assim você agiliza o processo e garante o crédito ao fotógrafo que trabalha com você. É recorrente, até mesmo nas equipes de grandes artistas, o envio de fotos sem crédito (o que, em muitos casos, inviabiliza a publicação das imagens);
  • Dar o crédito ao fotógrafo é essencial, mas escrever o nome do mesmo sobre a imagem, não. O mesmo vale para colocar a logo da banda sobre as fotos: nunca faça isso para as imagens que serão enviadas para imprensa;
  • Mesmo que seu ensaio fotográfico em estúdio ou em locação seja muito bom, certifique-se de ter ao menos algumas boas fotos (em alta resolução) feitas ao vivo, tanto para eventuais usos em peças promocionais como para publicação na imprensa;
  • Ao enviar fotos para sites e blogs, não anexe os arquivos em alta resolução. Prepare versões das imagens em resoluções mais baixas, próprias para a internet. Ao receber fotos pesadas no email do Meio Desligado, por exemplo, eu geralmente apago os emails para liberar espaço e só tenho o trabalho de redimensionar a foto se for algo no qual realmente tenha interesse.

Exemplos de boas fotos de divulgação de artistas, no sentido de serem esteticamente interessantes e estarem conectadas aos trabalhos dos artistas representados:

Laura Lopes

Jair Naves

Iconili

Siba

Bona Fortuna

Karina Buhr

Fotos, em ordem: Dibigode, Laura Lopes (por Augusto Barros), Jair Naves, Iconili (por Chá Gelado), Siba (por Talita Miranda), Bona Fortuna (por Bárbara Magalhães) e Karina Buhr (por Priscila Buhr).

Um comentário :