Instagram

18 de junho de 2012

Songpop e a gameficação

Mesmo que você não jogue, com certeza conhece alguém que já está viciado no Song Pop. No jogo, vence quem descobrir quais as músicas ou artistas são tocados em maior quantidade e em menor tempo. Uma espécie de "Qual é a música?" mais interativa. O jogo está disponível no Facebook e como aplicativo para celulares e já possui mais de 700 mil usuários que o utilizam diariamente.

O Song Pop é mais um exemplo de como a chamada "gameficação" funciona bem em um contexto cultural nas redes sociais. Caso fosse apenas uma aplicação para se tentar descobrir as músicas executas, dificilmente alcançaria tanto sucesso. O ponto-chave, no caso, é o estímulo à competição entre os usuários e a publicação nas redes dos resultados das "batalhas". Outro mérito do Song Pop é disponibilizar uma grande variedade de listas, com estilos musicais específicos, para cada competição. Caso o usuário queira competir dentro de um gênero musical que conheça melhor (punk rock, por exemplo), deve comprar essa lista.

Observar a fenomenal expansão do Song Pop pode contribuir para o surgimento de outras iniciativas interessantes que aliem produtos culturais à lógica dos games e das redes sociais. Para os interessados, em breve haverá até um curso online, gratuito, oferecido pela University of Pennsylvania que aborda a "gameficação" junto a elementos econômicos e financeiros.

- - - - -

E já que o assunto é Song Pop, aí vai uma dica de como trapacear no jogo.

Nenhum comentário: