Pesquisar este blog

Carregando...

8 de setembro de 2011

Bambas Dois: fusão entre a música nordestina e jamaicana

Projeto idealizado pelo produtor musical BiD, o Bambas Dois aos poucos aflora e mostra parte do que estará no material audiovisual previsto para ser lançado em outubro deste ano. Lançado na semana passada, o primeiro vídeoclipe traz o ator global Daniel de Oliveira em uma breve participação que pode ajudar a chamar mais atenção para o projeto. "Only Jah love", a música em questão, é exemplo da porção mais jamaicana do Bamba Dois, carregada de ragga em meio a elementos da música nordestina brasileira. Ouvindo outras canções fica mais evidente a mistura entre forró, baião e xote com gêneros como reggae, zouk e dancehall.

 

BiD é produtor renomado no Brasil, responsável por CDs de Chico Science e Nação Zumbi, Chico César e Planet Hemp, além de fundador do Funk Como Le Gusta. Bambas Dois é continuação de seu primeiro álbum solo, Bambas e Biritas – Vol. 1, no qual contou com participações de Seu Jorge, Elza Soares, Rappin Hood, Black Alien e outros. Em Bambas Dois, participam a Nação Zumbi, Dominguinhos, Luiz Melodia, Bi Ribeiro (Paralamas do Sucesso), Siba, Daniel Ganjaman, Karina Buhr e um grande número de artistas jamaicanos, como Ernest Ranglin (Skatalites), Sticky (The Wailers) e Kymani Marley (sim, filho do Bob).


A impressão, sem ouvir o material completo, é de que Bambas Dois é a legítima world music contemporânea sem soar pasteurizada ou se limitar a estereótipos. Engraçado é perceber, no vídeo acima, como a ideia inicial surgiu de forma totalmente inusitada (na Jamaica, enquanto ouviam um CD do Chico César produzido por BiD com maior presença de forró e baião, o piloto de uma lancha começou a cantar por cima das bases instrumentais).

Nenhum comentário :