Pesquisar este blog

Carregando...

6 de maio de 2010

Rumos Itaú Cultural com inscrições abertas

O projeto Rumos, do Itaú Cultural, está com editais abertos nas áreas de música, teatro, pesquisa acadêmica e literatura até o dia 30 de junho, com exceção do edital de literatura, que se estende até 31 de julho.

Na área musical são quatro categorias, descritas abaixo:
1. Mapeamento: Indicada a artistas e/ou grupos que já tenham um trabalho desenvolvido. Um dos objetivos é colaborar para a difusão e a articulação de suas obras (mesmo aquelas que já foram lançadas em discos ou difundidas pela internet, por exemplo).

2. Homenagem: Cada inscrito deve apresentar uma música composta com base na interação, na modificação, no reprocessamento, na remixagem, no sampleamento, na adaptação ou na utilização de um ou mais fonogramas - 6 Pequenas Peças para Violoncelo (Rogério Duprat Número 01) e Só Esperança Ficou, de Elpídio dos Santos - e/ou do poema Navio Negreiro, de Castro Alves.

3. Coletivo: Categoria voltada principalmente a instrumentistas (acompanhantes ou solistas), intérpretes, programadores e DJs que desejem desenvolver trabalhos com músicos de outras regiões do país ou de outras comunidades, bairros, estilos musicais, formação, faixa etária etc. A ideia é colaborar para o nascimento de grupos musicais (duos, trios, quartetos ou quintetos) por meio da junção dos artistas selecionados. Por isso, a categoria não visa trabalhar com grupos já existentes.

4. Infantil: Os candidatos devem apresentar três músicas que integrem um projeto musical destinado a crianças de até 12 anos, sem limite de tempo. Não há restrição quanto a gênero, instrumentação, arranjo ou composição, desde que o trabalho represente de alguma maneira a cultura brasileira.

Não há premiação em dinheiro. Os selecionados terão como retorno a divulgação de seus trabalhos pelo Itaú Cultural em rádios e TVs do país, além de show e material produzido pela instituição. Na edição 2007-2009 do Rumos, 2.222 artistas se inscreveram e os selecionados tocaram em vários Estados, além de participarem de uma ótima coletânea com 16 CDs e artistas brasileiros, argentinos, chilenos, uruguaios e paraguaios.

Nenhum comentário :