Instagram

27 de setembro de 2009

Vaca estúpida

Um mês após "Requiem for a dream" a P.U.T.A lançou o EP qualquer nome idiota para um monte de músicas feitas para esquecer aquela vaca estúpida ("tadinho, tava de chororô, é?"), no qual estava a música abaixo, "Vaca estúpida".

Admita: você pode não gostar das músicas, mas os nomes são legais. Além dessa "Vaca estúpida", tinha "A Sabrina vai morrer cabaça", "Débil mental sem coordenação = gênio para a crítica", "Solo de pote de geléia para headbangers" e "Nós gostamos de copiar o velho e fingir que somos originais".

"Tudo fruto do ócio criativo, internet sem bloqueio e batidas na cabeça quando era criança" (DE MASI, Domenico. 2005)



No caso de "Vaca estúpida", particularmente, considero um avanço em relação à "Requiem for a dream", apesar de continuar apresentando a tosqueira típica de quem começa a se aventurar por algo que desconhece. Como dá pra perceber, em 2005 eu ainda não havia sido introduzido ao maravilhoso mundo da compactação de vídeos com uma qualidade melhorzinha, mas a pixelização exagerada apenas reforça o contexto em que tudo isso foi criado e o que representou (e representa) para mim.

25 de setembro de 2009

Meu primeiro vídeoclipe

Em maio de 2005 fiz minhas primeiras músicas. Uma semana depois, reuni algumas delas e lancei um EP virtual chamado demo[n.i.a.c] generation zero, através do coletivo P.U.T.A. Eram 6 músicas simples, instrumentais, inspiradas em filmes. "Requiem for a dream" era uma delas, cujo tosco clipe (feito com imagens estáticas de quadrinistas do sul do país que desconheço, apesar de querer dar os devidos créditos, Klimt e outras imagens que digitalizei na época) está abaixo.



É bastante simples e repetitivo, além de ter uma bateria horrível, mas, ao ouvir depois de anos, tenho que admitir que gosto da música.

Programação do festival 53 HC 2009

Mundo Livre, Ratos de Porão, Devotos, Móveis, Moptop, Autoramas... melhor edição do festival 53 HC da história! O festival acontecerá no Lapa Multishow, em Belo Horizonte, e comemora os 10 anos de existência da 53 HC com uma grande programação.

O material oficial de divulgação ainda não foi divulgado, mas a imagem ao lado, obtida através do Twitter, confirma os nomes que pessoas envolvidas na produção já haviam me adiantado.

Programação do festival 53 HC 2009

16 de outubro, sexta-feira
Cachorro Grande (RS)
Motorama (ARG)
Hillbilly Rawhide (PR)
The Folsoms (MG)
Monno (MG)
In Verso (MG)

17 de outubro, sábado
Mundo Livre S/A (PE)
Zigmat (EUA)
Black Sonora (MG)
Autoramas (RJ)
Transmissor (MG)
Deco Lima e o Combinado (MG)

24 de outubro, sábado
Ratos de Porão (SP)
DFC (DF)
Devotos (PE)
Henry Paul Trio (SP)
Diabatz (PR)
Big Nitrons (SP)
Hold Your Breath (MG)

30 de outubro, sexta-feira
Móveis Coloniais de Acaju (DF)
Alex Valenzi & The Hideaway Cats (SP)
The Long Tall Texans (ING)
Moptop (RJ)
Dead Lover´s Twisted Heart (MG)
Monograma (MG)

23 de setembro de 2009

Gringos em São Paulo esta semana

Depois de tocar em recife, no Coquetel Molotov, os franceses do Zombie Zombie e François Virot e as suecas do Those Dancing Days, Britta Persson e Loney, Dear chegam à cidade cinza. Enquanto os franceses fazem shows no Studio SP, hoje, as artistas suecas, cujos shows fazem parte de mais uma edição do interessante projeto Invasão Sueca, se apresentarão no ótimo Sesc Pompéia.


Those Dancing Days também gravou, ontem, o quadro "10 horas no estúdio" no programa de TV da TramaVirtual e toca no Centro Cultural da Juventude no dia 27 de setembro, junto de Britta Persson.

INVASÃO SUECA - SÃO PAULO
Setembro / 2009
Shows com Those Dancing Days, Britta Persson e Loney, Dear

BRITTA PERSSON
Quinta | 24/09
SESC Pompeia
Ingressos: R$ 30,00 [inteira], R$ 15,00 [usuário matriculado no SESC e dependentes, +60 anos, professores da rede pública de ensino e estudantes com comprovante] e $ 7,50 [trabalhador no comércio e serviços matriculado no SESC e dependentes]
http://www.sescsp.org.br

THOSE DANCING DAYS e LONEY, DEAR
Sexta | 25/09
SESC Pompeia
Ingressos: R$ 30,00 [inteira], R$ 15,00 [usuário matriculado no SESC e dependentes, +60 anos, professores da rede pública de ensino e estudantes com comprovante] e R$ 7,50 [trabalhador no comércio e serviços matriculado no SESC e dependentes]
http://www.sescsp.org.br

FRANÇOIS VIROT
Cedo e Sentado
Quarta | 23/09 - 21h
Studio SP - Rua Augusta, 591 - Centro
Entrada franca
Mais informações: http://www.studiosp.org

ZOMBIE ZOMBIE e THE NAME (SP)
Baile Punk Especial
Quarta | 23/09 - 23h
Studio SP - Rua Augusta, 591 - Centro
Ingressos: R$ 25 (na porta) e R$ 15 (lista)
Mais informações: http://www.studiosp.org

22 de setembro de 2009

Festival Varadouro + Congresso Fora do Eixo 2009

Começou na segunda-feira, em Rio Branco, capital do Acre, o II Congresso Fora do Eixo, principal evento da rede de coletivos de ação cultural independente Fora do Eixo. Durante toda a semana, até o dia 26, quase 100 pessoas de diferentes regiões brasileiras (incluindo representantes de praticamente todos os coletivos que integram o circuito Fora do Eixo) estarão reunidos para discutir temas que permeiam a cultura brasileira, como o mercado musical independente, tecnologia social, economia solidária e criativa e políticas públicas.



Paralelamente ao Congresso será realizada mais uma edição do festival Varadouro, entre os dias 25 e 27 de setembro. Com 21 bandas na programação, sendo 9 bandas locais, 2 estrangeiras e a outra metade oriunda de outros Estados brasileiros, esta edição do festival dá continuidade ao processo de integração cultural promovido pelos festivais que integram o Circuito Fora do Eixo.

“Esse sempre foi o intuito do Festival, por isso ele é utilizado como ferramenta de integração da música do norte do Brasil. Na medida do possível trazemos a maior quantidade de artistas que sejam dos demais estados da Região Norte, que é uma preocupação que nem todos os outros festivais de música independente levam em consideração. A idéia é representar na escalação um mosaico indicativo das demais regiões e de artistas que representem os outros lugares do país”, diz Daniel Zen, membro do Coletivo Catraia (realizador do Varadouro) e presidente da Fundação de Cultura e Comunicação Elias Mansour.

Informações atualizadas sobre o Congresso e o Varadouro estão disponíveis no portal Fora do Eixo.

Programação do festival Varadouro 2009

Sexta 25/9
Soda Acústica RO 20:00h
Capuccino Jack AC 20:40h
Devotos PE 21:20h
Caldo de Piaba AC 22:00h
Plano Próximo SP 22:40h
La mente PERU 23:20h
Mapinguarí Blues AC 00:00h

Sábado 26/9
Sps12 AP 20:00h
Grupo Capú AC 20:40h
Guizado SP 21:20h
Camundogs AC 22:00h
Mostruo ARG 22:40h
Cidadão Instigado CE 23:20h
Los Porongas AC 00:00h

Domingo 27/9
Caro John (Interior) AC 20:00h
Floresta Sonora PA 20:40h
Nicles AC 21:20h
Trilobit PR 22:00h
Filomedusa AC 22:40h
Curumin SP 23:20h
Móveis Coloniais de Acajú DF 00:00h

O festival acontece no Amazônia Rio (ao lado da terceira ponte, na Via Verde, em Rio Branco). A entrada é franca até as 20:00h. A partir das 20:00h ingressos à R$ 5,00.

Programação do II Congresso Fora do Eixo

Segunda-feira (21/09) – “Lançamento do Congresso”
19:00
Mesa com as regionais do CFE para abertura
Coquetel de Lançamento

Terça feira (22/09) – “Tecnologia Social e Arranjos produtivos culturais”
9:00 às 12:00
Apresentação dos Coletivos por regionais.
Orientador Marcus Franchi – análise dos cases e proposições.
13:00
Almoço
14:00 às 17:00
Apresentação dos Coletivos por regionais.
Orientador Marcus Franchi – análise dos cases e proposições.
17:00 às 18:00
Intervalo – Lanche
18:00 às 20:00
Início dos Gt´s (Portal fora do eixo / Agência Fora do eixo / Fora do Eixo Discos / Festival Fora do Eixo / Fora do Eixo card
20:00 – Show Orto Florestal
Som da madeira
Heloy de Castro
Álamo Kário
Discotecagem Radiofônica Independência ou Marte

Quarta-feira (23/09) – “Economia Criativa”
9:00 às 13:0
Início dos Gt´s (Portal fora do eixo / Agência Fora do eixo / Fora do Eixo Discos / Festival Fora do Eixo / Fora do Eixo card
13:00
Almoço
14:00 às 17:00
Orientação Ana Carla – análise dos cases e proposições
Apresentação dos Coletivos por regionais
17:00 às 18:00
Intervalo – Lanche
18:00 às 20:00
Orientação Ana Carla – análise dos cases e proposições
Apresentação dos Coletivos por regionais
20:00 - Show Parque Capitão Siríaco
Ana e os Lobos
Bichu du Lodo RO
Durango kid
Discotecagem Radiofônica Independência ou Marte

Quinta-feira (24/09) – “Economia Solidária”
9:00 às 13:00
Orientador Shimbo (Incoop) com análise de cases e proposições.
Apresentação dos Coletivos por regionais
13:00
Almoço
14:00 às 17:00
Orientador Shimbo (Incoop) com análise de cases e proposições.
Apresentação dos Coletivos por regionais
17:00 às 18:00
Intervalo – Lanche
18:00 às 20:00
Início dos Gt´s (Portal fora do eixo / Agência Fora do eixo / Fora do Eixo Discos / Festival Fora do Eixo / Fora do Eixo card
20:00 – Show Parque Capitão Siríaco
Di Menor e B-boys (Hip-Hop)
Ultimato (RO)
Macaco Bong (MT)
Dj StereoTóxico

Sexta-feira (25/09) – “Artista e o Mercado musical”
9:00 às 13:00
Orientação Fabricio Nobre e Sérgio Ugeda com análise de cases e proposições
Apresentação dos Coletivos por regionais
13:00
Almoço
14:00 às 17:00
Orientação Fabricio Nobre e Sérgio Ugeda com análise de cases e proposições
Apresentação dos Coletivos por regionais
17:00 às 18:00
Intervalo – Lanche
18:00 às 20:00
Início dos Gt´s (Portal fora do eixo / Agência Fora do eixo / Fora do Eixo Discos / Festival Fora do Eixo / Fora do Eixo card
20:00 – Show Festival Varadouro
Sábado (26/09) – “Plenária Final – Apresentação de propostas e trabalhos para o CFE”
14:00 às 18:00
Apresentação de propostas, teses e artigos para o CFE – Rachel (Massa – SP) e Felipe Dandolini (Sindicatto – MT)
Apresentação do plano de trabalho dos Gt´s
Deliberações e encaminhamentos gerais acerca de todas as discussões e propostas realizadas fechando as diretrizes para 2010.

21 de setembro de 2009

Los Hermanos lança novo CD este ano?


A banda estaria com um novo álbum praticamente pronto e que seria lançado ainda em 2009.

Essa informação é:
a) fruto de uma investigação minuciosa realizada por um esperto, sagaz, estupendo, bonito jornalista-blogueiro em ascenção
b) resultado de um sonho alcoolizado depois de um show do Mundo Livre S/A no Studio SP
c) um aviso para parar com aditivos ilegais em algumas partes do mundo
d) informação velha

16 de setembro de 2009

Festival DoSol 2009

Recuso-me a escrever sobre qualquer festival de rock independente brasileiro que trouxer uma banda gringa que não seja Turbonegro, também conhecida como a melhor banda do mundo.

(Mas como tenho um bom coração, publico a programação do festival)

Sábado – 07 de novembro

Abertura dos portões: 15h

15h30 – Flaming Dogs (RN)
16h – Driveout (RN)
16h30 – Venice Under Water (RN)
17h – O Melda (MG)
17h30 – Plástico Lunar
18h – Cassim & Barbária (SC)
18h30 – Bugs (RN)
19h – Vendo 147 (BA)
19h30 – Os Bonnies (RN)
20h – Rejects (RN)
20h30 – Sick Sick Sinners (PR)
21h – Retrofoguetes (BA)
21h30 – The Baggios (SE)
22h – Danko Jones (CAN)
23h – Nuda (PE)
23h30 – DuSouto (RN)
24h – Orquestra Boca Seca (RN)
24h30 – Eddie (PE)

Domingo, 08 de novembro

Abertura dos portões: 15h

15h30 – Dr. Carnage (RN)
16h – I.T.E.P. (RN)
16h30 – Fliperama (RN)
17h – Nervochaos (SP)
17h30 – Deadly Fate (RN)
18h – Distro (RN)
18h30 – Pulverhund (Noruega)
19h – Comando Etílico (RN)
19h30 – Confronto (RJ)
20h – Calistoga (RN)
20h30 – Devotos (PE)
21h30 – Mugo (GO)
22h – The Exploited (UK)

Festival DoSol Música Contemporânea
Casa da Ribeira – entrada gratuita

Quinta, 19 de novembro
Projeto Trinca (RN)
Visitantes (SP)
Automatics (RN)

Sexta, 20 de novembro
Eu Serei a Hiena (SP)
Camarones Orquestra Guitarrística (RN)
A Banda de Joseph Tourton (PE)

Sábado, 21 de novembro
SeuZé (RN)
Experiência Apyus (RN)
Macaxeira Jazz (RN)

Domingo, 22 de novembro
Simona Talma (RN)
L.A.B. (RS)
Mais uma banda potiguar a ser confirmada (curti o nome dessa banda)

O início do texto era (meio) zoação. Apesar de eu realmente torcer pelo Turbonegro no Brasil, o festival DoSol merece bastante atenção e sua programação tem muitas bandas boas (e muitas ruins também, essa é a vantagem de se ter uma programação tão grande). Só de um festival reunir em uma festa edição ícones tão distintos quanto Exploited e Eddie e novos grupos em ascenção como Nuda, A Banda de Joseph Tourton e L.A.B já se destaca entre os mais interessantes da atualidade.

15 de setembro de 2009

MAP! MAP! MAP!

Coloque o inglês pra funcionar até eu ter tempo de traduzir esta nova edição do Music Alliance Pact!

ARGENTINA: Zonaindie
Matilda - Vanidad
Matilda is an electro-pop duo based in Rosario (one of Argentina's largest cities), consisting of Juan Manuel Godoy and Ignacio Espumado. Vanidad is the opening track from Para Ser Movimiento, their second album, which was recently praised by Mexican pop star Julieta Venegas on her Twitter page. It was released by the Planeta X label in a physical format and as a free Creative Commons licensed download (http://bit.ly/kNiJK).

AUSTRALIA: Who The Bloody Hell Are They?
Deep Sea Arcade - Don't Be Sorry
One of the more exciting new bands to come out of Sydney in the past couple of years, Deep Sea Arcade is blessed with a very captivating frontman in Nic McKenzie, who genuinely loses himself in every song they play. Don't Be Sorry is the single they're currently touring but the live shows indicate there's a lot more to come from this Sydney five piece. One to put on your watchlist.

BRASIL: Meio Desligado
Cidadão Instigado - Doido
"Doido" é uma das minhas faixas favoritas de Uhuuu!, novo álbum do Cidadão Instigado. O CD já vem sendo considerado um dos melhores do ano e mistura influências de brega vintage, rock setentista, psicodelia e experimentalismo. Nessa música específica há uma certa semelhança com alguns momentos do trabalho solo de John Frusciante (também guitarrista do Red Hot Chilli Peppers) em versão nordestina alucinada.


CANADA: I(Heart)Music
Dan Mangan - Robots
Robots isn't a complex song, but it more than makes up for that by being insanely, incredibly catchy. I'd challenge people to hear it and not walk around with the closing chorus ("Robots need love too / They want to be loved by you") in their head for days afterward... except I'm pretty sure it can't be done.

CHILE: Super 45
Picnic Kibun - Drop Your Panties
If we could define Picnic Kibun in just one word, it would be "party". A party in which a crazy Japanese sings about women getting rid of their underwear, where a couple of electronic musicians start rapping out of the blue and where a bass player with a surfer look makes rock songs. Fiebre Tagadá is the name of their first album and, just like the band, it's a wild party in which you can dance and get drunk.

CHINA: Wooozy
Tang Qie Nong - I Want To Go Through Your Body
In the summer of 2008, the experimental duo Tang Qie Nong was founded by Fangqi and Tangguo in Guangzhou. The single I Want To Go Through Your Body from their self-titled EP is about the long-cherished ambition of a person who faces death. He wants to go back to the origins and purity, but you must be careful what you wish for.

COLUMBIA: Columbia Urbana
Jhonblack - Sola Solita
Hailing from Pereira, Jhonblack is seducing women with his sexy music. His offer is based in electric sounds mixed with hip hop, R'n'B and pop music without forgetting his Pacific roots, to which he is adding a little bit of jazz and soul to create fresh and innovative sounds. Sola Solita is one of his most melodic songs and shows why he is known as one of the greatest urban music artists in Colombia.

DENMARK: All Scandinavian
Slaraffenland - That Great Love Sound (The Raveonettes cover)
This year, legendary Danish label Crunchy Frog - the first home of The Raveonettes among others - celebrate their 15th anniversary. To commemorate the landmark they asked 25 Danish non-Crunchy artists to interpret 25 songs by Crunchy artists and released the results on the double album Saluting The Crunchy Frog-a-logue. Here's Slaraffenland's excellent cover of The Raveonettes' That Great Love Sound.

ENGLAND: The Daily Growl
Beth Jeans Houghton - Golden
Beth Jeans Houghton is a glam folk pixie who injects her sweet acoustic songs with a high-grade dose of pure pop. She has killer tunes, energy, a curious taste in wigs and a certain boldness that's only natural given her Newcastle roots. She rules. She has a new EP coming out this month where "all of of the songs are about a guy who looks like Roger Daltrey circa the deaf, dumb and blind kid days. Apart from I Will Return, which is about Wilson the football floating away from Tom Hanks in Castaway". Golden isn't from that EP but it's still great.

FINLAND: Glue
Keramick & Lobo - Brown-Eyed Susan
Producers Jussi Mikkonen and Visa Mäkinen, aka Keramick & Lobo, combine their downbeat electronic layers with a wide array of musicians for a perfect blend of machines and real instruments on their new album The Braille. Nineteen artists, including singers Eeppi Ursin and Teemu Tanner, participate on the duo's compositions and provide a smooth jazz beat with violins, trumpet, saxophone, percussion and a few other instruments. Brown-Eyed Susan is a dark and intriguing track, a real film noir piece of music.

FRANCE: ZikNation
Caravan Palace - La Caravane
Three sequence programmers - Charles Delaporte, Arnaud Via and Hugues Payen - with a love of electronic music and swing jazz, together with Toustou, Zoé and Chapi make one hell of a band. They will soon be heard at the famous Paris Olympia - proof that Caravan Palace are becoming rather popular.

GERMANY: Blogpartei
Me Succeeds - My Main Discipline
This Hamburg-based trio is quite Janus-esque since they combine gentle melodies and preppy non-parallel vocals with a highly energetic synth-bass. That might sounds like normal indie-electro but both pillars stand on their own to create a quite unique sound.

GREECE: Mouxlaloulouda
Diafana Krina - Agnos
Diafana Krina is possibly the most brilliant and idiosyncratic band to emerge from Greece in the early 90s. Agnos is taken from Ki Agapi Pali Tha Kalei, an incandescent guitar-oriented album with superb, dark, poetic and heart-bruising lyrics. Long, swelling arrangements are organized cosily around Thanos Anestopoulos' weathered baritone with blankets of keyboard and jarring bursts of exploding drums. Each song blends pure emotion and is expertly crafted, with an amazingly punchy set of melodies delivered by an extremely tight band. Unfortunately, after six records, Diafana Krina disbanded in June 2009.

ICELAND: I Love Icelandic Music
Reykjavík! - Æji, Plís
Reykjavík! is a raw rock band in which most members originate not from Reykjavík but Ísafjörður, the capital of the Westfjords. This is one of the loudest Icelandic bands, a collective of philosophy majors, shopmongers and social workers, with an exclamation mark partly as a reference to the vast amount of hyperbole Iceland's capital receives. Æji, Plís is taken from their second album, The Blood. The song features a surf-rock guitar riff, rhythmic bass, kick-drum percussion and Bóas' vocals fluctuating between grunting, chanting and falsetto.

INDIA: Indiecision
Swarathma - Jamba
Swarathma plays honest, unpretentious folk-rock. This hardworking act from Bangalore was recently given the chance to record with renowned British producer John Leckie (The Stone Roses, Radiohead) and play a mini-tour of the UK. Jamba (meaning "pride") comes from a compilation album produced by Leckie featuring Swarathma and a few other top new Indian acts. Sung entirely in Kannada, the song, like the band, finds its roots in Carnatic music and combines these sensibilities with orchestral pop trappings to create something that's more a new direction than a middle path.

INDONESIA: Deathrockstar
Koil - Aku Lupa Aku Luka
Koil are one of the greatest rock bands in Indonesia, their songs and style influenced by the industrial/darkwave/gothic/metal scene, with lyrics that tell stories about spiritual journeys, nationalism or just personal things which are easy to relate to yet have a deeper meaning.

IRELAND: Nialler9
Nakatomi Towers - Cut Me Out
This is the first real tune from Belfast-based boy/girl duo Nakatomi Towers and what a cool beast of electro-pop it turns out to be. From the "duh-duh-duh" nonsensical yet catchy chorus to the insistent disco bassline, this is promising stuff for all 2 minutes 47 seconds of its duration.

ITALY: Polaroid
Giardini di Mirò - La Vampa 02
Giardini di Mirò is the one of the most important bands in the Italian indie scene. Formed in 1998, notable acts they have toured with include Godspeed You! Black Emperor and Karate, and they have been remixed by Styrofoam and Dntel among others. Their new album is an amazing soundtrack for Il Fuoco, a silent movie from 1915 directed by Giovanni Pastrone. La Vampa 02 ("The Fire") is the second part of the central chapter, when the two lovers surrender to passion and their love burns away.

JAPAN: JPOP Lover
nhhmbase - 9/8
The latest offering from the Tokyo underground scene is nhhmbase (pronounced "ne-han base"). Formed in 2004, they have complex music frameworks with irregular beats and dramatic code which makes their sound innovative and pop. They have already opened for many foreign acts such as Deerhoof, Tyondai Braxton (Battles) and The Eternals in Japan.

MEXICO: Red Bull PanameriKa
Menuda Coincidencia - Sin Enganche
Hailing from Monterrey, Menuda Coincidencia is a 'rap en Español' trio that made feature appearances on records from some of the genre's top figures - such as Bocafloja and Akil Ammar - before a long overdue but excellent debut EP, Ai Con Permisito. Lead single Sin Enganche is full of crazy and juicy, jumpy jazz hooks with playful swing samples that sustain an existentialist manifesto, ambiguous yet intelligently expressed by its two MCs.

NEW ZEALAND: Counting The Beat
Jordan Reyne - The Proximity Of Death (Blue Eyed Boy)
The Proximity Of Death is taken from Jordan Reyne's fifth album How The Dead Live. A musician who has combined folk, electronica, soundscapes and industrial, Reyne has gained a strong following in the darkwave scene. How The Dead Live is her most contemplative work. The album was commissioned by the New Zealand Department of Conservation and was written in an artist in residence programme. The album fictionalises the life of an actual pioneer woman Susannah Hawes adding history as a character. Reyne has announced this will be her last album.

NORWAY: Eardrums
Sirkus Bjøver - Heavy Metal
The song is called Heavy Metal, but it's as far away from heavy and metal as you can get. This is nice, happy and friendly pop music with a big heart. The members of the duo, Vegard Markhus and Bjørnar Sangolt, grew up as neighbours in a forest in western Norway. They held regular circus shows for their families as kids and called their performances "Sirkus Bjøver". Now, 15 years later, the two have become neighbours in Bergen, and the old circus is revitalized as a band.

PERU: SoTB
Plug-Plug - Tambores
The sound of Plug-Plug falls outside any conventional tag. Some people call them garage, others hardcore - the truth is that when you hear any description it is never enough. Plug-Plug makes acid songs which sometimes sound melancholic, but this band from Lima is more than a style, they're a mixture of sensations.

PORTUGAL: Posso Ouvir Um Disco?
Iconoclasts - Anything Will Do
Iconoclasts are a six-piece from Lisbon with Diogo and Pipa singing and screaming (not at the same time), Pedro doing freaky dances while playing bass, Ricardo hammering away on the drums like his life depends on it, Vitor playing guitar while pounding on every effects pedal imaginable, and Sérgio doing the same with every annoying thing he lays his hands on. They have a debut EP freely downloadable from here.

ROMANIA: Babylon Noise
Sunday People - Win Your Face Back
The story of this particular band is not what you might call ordinary. It all started in the bedroom of very young Abu Dhabi-born brothers Sultan and Hasan. As they grew older, the bedroom became a recording studio where their dreams, influences and ideas were born. Two actors/musicians joined them later - Cristi Rigman (drums) and Ana Ularu (vocals) - and they found their sound: a mixture of riot, love and intensity.

SCOTLAND: The Pop Cop
The Xcerts - Crisis In The Slow Lane
The Xcerts are the real deal - a rock band who come fully formed with an album of songs to believe in and a pop sensibility that will, at the very least, have you air-drumming to their choruses. Crisis In The Slow Lane perfectly sums up what they and their debut album In The Cold Wind We Smile are all about - every dial is set to 'epic' as it gradually builds to a soaring conclusion. If you're a fan of Biffy Clyro, or good music in general, you'll love The Xcerts.

SINGAPORE: I'm Waking Up To...
MUON - Cylons Dream Of Electric Sheep
Can cold, heartless, surgical machines ever have souls? Well, experimental dark electronica group MUON thinks they can. If the computer is dreaming inside, it dreams in ones and zeros, harsh squelches and inane beeps, each a little exegesis looking for proof of life. MUON have put together a creepy Frankenstein of deeply resonating drum loops, bleating sheep and what could pass as the theme from the Zelda videogame.

SOUTH AFRICA: Musical Mover & Shaker!
Jax Panik - Talking To Myself
A crazy, outrageous mix of electro-pop and a dash of rock 'n' roll is what Jax Panik's music is all about. He started out as an 'online only' artist but the success generated from his activity soon led to a full-length album release. The album was named Cigarettes And Cinnamon from which Talking To Myself is taken. The song artfully showcases Jax's winning formula which consists of catchy beats, meticulous production and lyrics that reveal a slightly dark edge upon closer listen. With a new album out in March, Jax Panik is set to become an even bigger hit, both locally and abroad.

SOUTH KOREA: Indieful ROK
Plastic People - B/W Picture
Folk-rock duo Plastic People has been around for many years, all the while successfully trying out various musical directions. On their most recent album Snap, released in July, the selection of songs is more diverse than ever with modern folk, some rock tracks, a bit of psyche-pop and C86-inspired twee. Choosing just one song when they're all amazing in their own way proved a difficult task, but it had to be done so here's the captivating slow-paced rock piece B/W Picture that inspired the snap-shot theme of the album.

SWEDEN: Swedesplease
Vikta Fåglar - Walk Along
Vikta Fåglar literally means "folded bird" in English. Loosely, I think it translates into the term origami. Musically, the band combines elements of the Swedish folk tradition with some classical and even experimental noise - such as when the cymbals come crashing in towards the end of Walk Along.

TURKEY: Reset!
Solardip - Paralyze Me
Solardip is an electro-indie three-piece formed in Istanbul. After a couple of years successfully performing on the local scene, the band has just released their first EP, Dip Inside, and are about to make a big comeback with their new sound and concept. Solardip, often compared to The Presets, offers laser-like synths, danceable tunes and arousing vocals.

UNITED STATES: I Guess I'm Floating
Holiday Shores - Phones Don't Feud
Holiday Shores, Twosyllable Records' latest discovery, continue to diversify the label's output by creating equally messy and melodic indie rock that's about as addictive as anything else of the same vein coming out this year. Their new album Columbus'd The Whim is available for consumption - sink your teeth in before the hipsters do.

VENEZUELA: Barquisimeto Musical
Nana Cadavieco - No Hay
Nana Cadavieco is a young Venezuelan singer full of energy and hype, which she reflects in each and every one of her performances. Exposé, her latest record, is undeniably influenced by rock, pop, indie and disco-punk and a few world music and electronic elements. Nana says of the song, No Hay: "It portrays a human reality, very close to Latin America. The message I want to send with it is the process I went through with my new CD. After all, I still smile, albeit with a little sarcasm."

Download das 33 músicas

14 de setembro de 2009

Porão do Rock 2009

Quando eu faço uma introdução sobre os festivais aposto que a maioria de vocês pula e vai direto ver as bandas da programação. Pouparei este trabalho agora.

Programação do festival Porão do Rock 2009, que acontece em Brasília nos dias 17 e 18 (conferências na Biblioteca Nacional, a partir das 9h) e 19 e 20 de setembro (shows gratuitos na Esplanada dos Ministérios).

SÁBADO (19/9)

Palco Principal (a partir das 16h)

Super Stereo Surf (DF)
Orgânica (SP)
El Mato a un Policia Motorizado (Argentina)
Cachorro Grande (RS)
Ludov (SP)
Elffus (DF)
Black Drawing Chalks (GO)
Eagles of Death Metal (EUA)
Mugo (GO)
Mindflow (SP)
Angra (SP)
Dynahead (DF)
Sepultura (MG)

Palco Pílulas (a partir das 18h30)

Scania (DF)
Di Boresti (DF)
Rocan (DF)
O Melda (MG)
Belle (RS)
Superquadra (DF)
Watson (DF)
The Pro (DF)

DOMINGO (20/9)

Palco Principal (a partir das 16h)

Cabeloduro.(DF)
Fallen Angel / Dungeon (DF)
Detrito Federal (DF)
Paralamas do Sucesso (RJ)
Plebe Rude (DF)
Escola de Escândalo (DF)
M. Roots (DF)
Little Quail & the Mad Birds (DF)
Raimundos (DF)
Rafael Cury & the Booze Bros (DF)
Móveis Coloniais de Acaju (DF)

Palco Pílulas (a partir das 18h30)

Cassino Supernova (DF)
Na Lata (DF)
Soatá (DF)
Trampa (DF)
Kanela Seka (DF)
Bootlegs (DF)
Blazing Dog (DF)

12 de setembro de 2009

Pedofilia?



Ficou confuso com o excesso de tosquice (sotaque brega-carioca-anos80 da Angélica + dançarinos medonhos + figurinos e cenário kitsch + falta de noção de todo mundo envolvido nisso)?

Eu tenho a explicação: o vocalista (que é o Júpiter Maçã) disse que o produtor deles era o Vinny. Aaaaah, tá.

Ps.: quem clicar no nome da Angélica e assistir ao vídeo não vai se arrepender!

11 de setembro de 2009

Cobertura do festival Garimpo na Mongoteca

Na semana passada eu estava em Brasília e por isso não conferi o primeiro final de semana de programação do festival Garimpo, em BH. Mas o pessoal da Mongoteca esteve nos shows e fez uma breve cobertura no blog deles.

Abaixo estão alguns vídeos que fizeram.

Violins


Supercordas


monno

9 de setembro de 2009

Programação parcial do Planeta Terra 2009

Com metade de sua programação divulgada, o Planeta Terra 2009 tem, de um lado, boas atrações brasileiras e poucos nomes relevantes internacionais, como Sonic Youth (pela terceira vez no Brasil) e Primal Scream (segundo show no país). Quase todos os dias estão sendo divulgadas novas atrações do festival, que acontece em 7 de novembro em São Paulo, e é provável que em poucos dias a programação completa esteja fechada.

Até o momento, essa é a programaçao do Planeta Terra 2009:

Sonic Youth
Primal Scream
Yeah Yeah Yeahs (a confirmar)
Kings of Leon (a confirmar)
Maximo Park
N.A.S.A
Ting Tings
Metronomy
Etienne de Crecy
Patrick Wolf
Móveis Coloniais de Acaju
Macaco Bong
Copacabana Club
Ex!

Os ingressos já estão à venda e custam R$ 70 (meia-entrada).

BH Music Station 2009

Curumin, Forgotten Boys, Macaco Bong, Cordel do Fogo Encantado e Vanguart são os destaques independentes que se apresentam na nova edição do festival BH Music Station, que acontece em estações de metrô da capital mineira durante três finais de semana a partir do próximo dia 19.

Assim como no ano passado, a cobertura do evento será coletiva e aberta a quem se interessar, basta deixar o texto na caixa de comentários do Meio Desligado.

Veja quais serão os shows do festival e se programe.

19/09
ESTAÇÃO SANTA INÊS
00:15 - Vanguart
ESTAÇÃO MINAS SHOPPING
00:15 - Macaco Bong
ESTAÇÃO VILARINHO
00:30 - Lenine
02:00 - Cordel do Fogo Encantado

26/09
ESTAÇÃO SANTA INÊS
00:15 - Nasi
ESTAÇÃO MINAS SHOPPING
00:15 - Forgotten Boys
ESTAÇÃO VILARINHO
00:30 - Diogo Nogueira
02:00 - Mart´Nália

03/10
ESTAÇÃO SANTA INÊS
00:15 - Funk Como Le Gusta
ESTAÇÃO MINAS SHOPPING
00:15 - Curumin
ESTAÇÃO VILARINHO
00:30 - Orquestra Imperial
02:00 - Zeca Baleiro

Quem não foi ao festival no ano passado pode ter uma ideia de como foi neste vídeo.


Os ingressos para cada noite custam R$ 40 (meia-entrada) e estão à venda na bilheteria do Chevrolet Hall e nas livrarias Leitura do BH Shopping e Savassi.

5 de setembro de 2009

MP3 da semana: "Continuar"

Ainda há esperança para a MPB. Pode ser difícil acreditar, mais difícil ainda ter ânimo de ouvir com disposição qualquer que seja o artista rotulado em tal estilo, mas em seu álbum A Vontade Superstar, Bruno Morais consegue essa façanha.

"Continuar" talvez seja a única faixa do CD que se aproxime um pouco mais do rock, melódica e pegajosa na medida certa, localizada quase no fim do álbum, em meio à forte presença de jazz e a MPB quase lounge executada por Morais.

Bruno Morais - Continuar





Banda: Bruno Morais
Música: "Continuar"
Ano: 2009
Cidade: Londrina (PR)
Pra quem gosta de: jazz, MPB, Caetano Veloso, soft indie

4 de setembro de 2009

Mini-Planeta Terra em BH? (programação do Eletronika 2009)

N.A.S.A e Copacabana Club (minha escolha do mês passado para o Music Alliance Pact) são duas das bandas que estarão no festival Eletronika 2009, que acontece em Belo Horizonte em novembro no reformulado galpão 104 (no hipercentro da cidade, na Praça da Estação) e na boate Deputamadre.


Ambos os grupos também farão shows no Planeta Terra, no dia 7 de novembro, em São Paulo. É possível que algumas atrações internacionas do festival paulista também façam shows no Eletronika, aproveitando a presença no Brasil.


(Escrito dos computadores da Rádio Câmara, em Brasília, onde estou por alguns dias)

Marketing musical (independente), versão 2009

Todo mundo já sabe que, em meio às novas formas através das quais nos relacionamos com a música, surgem também novas formas de chegar ao seu público em potencial. Acontece que algumas pessoas apenas sabem disso. Outras, além de saber, tentam fazer algo que torne o conhecimento em ação.

O Jumbo Elektro é um exemplo desta categoria de artista. Além de programar uma data propícia (11 de setembro) para o lançamento de Terrorist, seu novo álbum, a banda fez alguns vídeos non-sense de divulgação do trabalho e os divulgou em seu mailing. Pessoalmente, não gosto da banda e nem dos vídeos, mas o que vale aqui é a iniciativa em si, não a crítica em relação ao trabalho artístico desenvolvido por eles.





PortnoyMuito mais interessante e extrema é a ação de divulgação da banda Portnoy. Em uma inusitada proposta de troca artística, eles darão um CD da banda para qualquer pessoa que lhes enviar uma obra de sua autoria, em qualquer formato. Podem ser CDs, um vídeo na rede, um desenho, um conto... "O Portnoy fornece a música embalada no CD e você fornece o que quiser, desde que seja seu", informam. A ação ganhou o nome de Escambe! e o material enviado é publicado no site da banda, promovendo a circulação desse material. O designer Rodrigo Sotero e os responsáveis pelo zine Things Mag são alguns dos que já abraçaram a ideia, que segue as seguintes regras:

Regra 1: Tem que ser uma produção sua, não vale copiar.
Regra 2: Tem de ter um formato que circule por e-mail (exemplos: uma música em MP3; um desenho escaneado; uma foto; um texto; um vídeo em formato leve; ou qualquer outra coisa).
Regra 3: Você pode autorizar ou não a divulgação do material. Tem de deixar isso claro.
Regra 4: O PORTNOY incentiva a circulação gratuita de cultura pela internet, desde que os créditos sejam dados pros autores. Ou seja, se você autorizar a divulgação de sua produção, seu nome vai estar lá.
Regra 5: O e-mail pro envio é portnoyrock@hotmail.com (não se esqueça de deixar o endereço pra receber o CD).

No site da banda ainda há um espaço legal, chamado "Lab", no qual disponibilizam brincadeiras de estúdio, demos e outras gravações que, por diferentes motivos, não entraram (ou nem entrarão no futuro) nos álbuns da banda.

3 de setembro de 2009

Festival Garimpo 2009 começa nesta sexta

"Nada de megalomania" poderia ser o tema da edição deste ano do festival Garimpo, realizado pela mesma equipe responsável pelo fundamental programa de TV Alto-Falante, há mais de 10 anos no ar. Em sua terceira edição, o festival diminui o número de atrações por noite, se estende por dois finais de semana e apresenta uma escalação concisa e diversificada, formando um interessante conjunto de bandas da música independente brasileira.

Entre as apresentações históricas para a cena estão as da alagoana Mopho e a dos goianos do Violins (banda que acaba de voltar a ativa e que da última vez que tocou em Belo Horizonte ainda tinha letras em inglês e se chamava Violins and Old Books).

No geral, não há headliners e bandas de todo o país dividem o palco com algumas das bandas belorizontinas mais comentadas da atualidade, como Graveola e o Lixo Polifônico, Pêlos de Cachorro, Julgamento, Monno e Transmissor. Para mim, a noite que reúne Eddie, Nuda e Graveola é a mais interessante (para o caso de ter que escolher apenas um dia para ir ao festival).

Os shows acontecem no Studio Bar, no centro de BH (Rua Guajajaras, n° 842), a partir das 22h e a entrada para cada dia custa R$ 20.



Programação

Sexta-feira dia 04/09
WADO (AL)
DECO LIMA E O COMBINADO (MG)
JULGAMENTO (MG)

Sábado, dia 05/09
MONNO (MG)
MOPHO (AL)
SUPERCORDAS (RJ)

Domingo, dia 06/09 (véspera de feriado)
VIOLINS (GO)
ROCKZ (RJ)
BLUESATAN (MG)

Sexta-feira, dia 11/09
EDDIE (PE)
NUDA (PE)
GRAVEOLA E O LIXO POLIFÔNICO (MG)

Sábado, dia 12/09
TRANSMISSOR (MG)
LOS PORONGAS (AC)
PÊLOS DE CACHORRO (MG)


FESTIVAL GARIMPO 2009
Dias 4, 5, 6, 11 e 12 de setembro de 2009
Local: Studio Bar (Rua Guajajaras, 842 – Centro – Belo Horizonte)
Informações: www.festivalgarimpo.com
R$ 20
Censura 18 anos

1 de setembro de 2009

"My Favorite Way", o melhor vídeoclipe do ano

Além de lançarem o melhor CD de 2009, o Black Drawing Chalks acaba de lançar o melhor vídeo feito por uma banda alternativa nos últimos tempos. O clipe de "My Favorite Way", faixa que abre o álbum Life is a big holiday for us, foi feito pelos próprios integrantes da banda, que são designers do coletivo Bicicleta Sem Freio, em parceria com o estúdio Nitrocorpz. E o legal é saber que parte dessas imagens que você vê foram desenhadas lá em casa, nos dias que a banda passou lá entre a festa do Meio Desligado em BH e o show fodão que fizeram no festival Escambo, em Sabará (também conhecida como Black Sabarath).